João Carlos e Wilson lembrados em sessão emocionante

Sessão da Saudade – AJL homenageia e se despede de Wilson Gelbcke e de João Carlos Vieira

A Academia Joinvilense de Letras realizou na noite de quinta-feira, 19 de agosto de 2021, a Sessão da Saudadeem lembrança aos acadêmicos Wilson Gelbcke e João Carlos Vieira, já falecidos. O evento foi realizado em sua sede, na Sociedade Harmonia-Lyra, e contou com a presença dos acadêmicos efetivos da AJL, e familiares dos homenageados.

A Sessão da Saudade é realizada quando um dos  membros da AJL segue para outra dimensão e, segundo o Regimento Interno da Academia deve ocorrer por volta de 30 dias após o falecimento. Porém,com a pandemia de Covid-19, a cerimônia foi postergada em função das restrições sanitárias exigidas.  

WIlson Gelbcke partiu no dia 4 de dezembro de 2019.Homem de publicidade em grandes empresas, Wilson foi modelo de dedicação à família, muito especialmente à sua esposa, Sra. Alverita.

Na Academia sucedeu o acadêmico fundador Monsenhor Sebastião Scarzello, que ocupava a cadeira 25 e tinha como Patrono Leónce Aubé. Wilson foi empossado na Academia Joinvilense de Letras no dia 23 de abril de 2015.

Acadêmico ativo e presente, não faltava às reuniões e tomou a si a responsabilidade das medalhas para os membros da AJL empossados na sequência, enquanto sua saúde lhe permitia.

João Carlos Vieira, homenageado nesta Sessão da Saudade foi acadêmico fundador da AJL, ocupando a cadeira 34, e seu Patrono é o Príncipe de Joinville.

Cronista social do Jornal a Notícia por cerca de quatro décadas, não havia em Joinville e Santa Catarina quem não o conhecesse. Em sua página diária, além dos acontecimentos sociais, escrevia sobre as atividades de cultura e turismo, agradando aos leitores do diário. João Carlos nos deixou no dia 28 de agosto de 2020 e sua passagem foi sentida por amigos e colegas de toda a região.  

A Sessão da Saudade foi um momento especial para aAJL. Abaixo, algumas das manifestações recebidas dos Acadêmicos:

“Confesso que me emocionei! Uma justa homenagem repleta de depoimentos sinceros e sensíveis, que me fizeram viajar no tempo e recordar de ambos com carinho e com saudade.

Realmente, a Sessão da Saudade faz jus a esse nome. E através dela senti ainda mais falta não só deles, mas de todos os membros desta Casa, assim como daquela vontade única que os fez criar e, mais tarde, recriar a Academia.

Obrigado Maria Cristina por estar conduzindo com tanta maestria a AJL, e obrigado David, Milton, dr. Adauto e Adolfo Schneider, que a antecederam. E, claro, gratidão a todos os membros dessa Casa de Amigos, do passado e do presente, pois é de bons amigos que a vida é feita, todos fundamentais para que essa vida seja realmente bela e inesquecível.” – Acadêmico Honorário Paulo Roberto da Silva, mentor da revitalização da AJL.

Parabéns pela tocante sessão da Academia ontem. Emocionante, necessária e oportuna, como o disse a Alessandra Lobo, filha de João Carlos. Os discursos tiveram eco na eternidade. A poesia do Zabot, a do Wilson para Alvirita, a oração da Else e as músicas executadas pelo Milton ampliaram a emoção que percolou toda a sessão sempre bem conduzida pela Nelci. Parabéns, Presidente Maria Cristina por mais esse feito. A Academia vive!” – Acadêmico José Carlos Vieira.

COMPARTILHE: